29/05/2024 10:50:14

Como Fazer um Queijo Stracciatella Italiano em Casa?

Saiba como fazer um delicioso queijo stracciatella perfeito para pizzas e sanduíches.

Como Fazer um Queijo Stracciatella Italiano em Casa?

O queijo stracciatella é um tipo de queijo italiano fresco e cremoso, feito de tiras de mussarela e creme. É um ingrediente principal da burrata. Aqui está uma receita básica para fazer queijo stracciatella em casa:

Ingredientes:

  • Leite integral fresco: 1 litro
  • Coalho líquido: 1 ml (siga as instruções do fabricante)
  • Ácido cítrico: 1/4 colher de chá, dissolvido em 1/4 xícara de água fria
  • Sal: 1 colher de chá
  • Creme de leite fresco: 1 xícara

Modo de Preparo:

  1. Preparar o Leite:

    • Despeje o leite em uma panela grande e adicione a solução de ácido cítrico.
    • Aqueça o leite a 32°C, mexendo ocasionalmente para garantir que o ácido cítrico esteja bem distribuído.
  2. Adicionar o Coalho:

    • Adicione o coalho líquido ao leite aquecido e mexa suavemente por cerca de 30 segundos.
    • Cubra a panela e deixe descansar por cerca de 5-10 minutos, ou até que o leite coagule e forme uma massa firme.
  3. Cortar a Coalhada:

    • Use uma faca longa para cortar a coalhada em cubos de cerca de 1,25 cm. Faça cortes verticais e horizontais para formar uma grade.
  4. Aqueça a Coalhada:

    • Aqueça suavemente a coalhada a 40°C, mexendo delicadamente para evitar que os pedaços se quebrem demais.
    • Mantenha a temperatura e continue mexendo por mais 5-10 minutos.
  5. Separar o Soro:

    • Despeje a coalhada em uma peneira ou escorredor forrado com um pano de queijo para separar o soro.
    • Deixe a coalhada escorrer por alguns minutos.
  6. Formar a Mussarela:

    • Coloque a coalhada em uma tigela e adicione água quente (cerca de 75-80°C) o suficiente para cobrir a coalhada.
    • Use uma espátula ou colher para puxar e esticar a coalhada até que fique lisa e elástica.
    • Retire a mussarela da água quente e mergulhe-a em água fria por alguns minutos para esfriar.
  7. Fazer a Stracciatella:

    • Rasgue a mussarela resfriada em tiras finas.
    • Em uma tigela, misture as tiras de mussarela com o creme de leite fresco e adicione sal a gosto.
    • Mexa bem para que as tiras de mussarela fiquem bem incorporadas ao creme.
  8. Servir:

    • A stracciatella está pronta para ser usada imediatamente ou pode ser refrigerada por até um dia.

Dicas:

  • Leite Fresco: Use leite fresco e de alta qualidade para obter o melhor sabor e textura.
  • Temperatura: Use um termômetro para garantir que as temperaturas estejam corretas durante o processo.
  • Carinho: Manipule a coalhada com cuidado para não quebrar demais os pedaços.

A stracciatella é deliciosa em saladas, pizzas, ou simplesmente com pão fresco.

1

O saber fazer ancestral

Este livro vai além de um manual para fazer queijos. É uma declaração de amor. Uma confissão de devoção à tradição familiar, ao modo artesanal de fabricação, passado de geração para geração. De uma maneira simples e divertida, os autores ensinam a técnica de fazer queijos, misturando as modernas tecnologias com o saber ancestral e com a tradição mineira de queijaria, adicionando pitadas da sabedoria da avó, uma sábia e veterana produtora. A família Leite, embora tenha participado de cursos e especializações no Brasil e na França, ganhando várias medalhas por seus produtos, não abre mão da tradição mineira na hora da produção. Aqui, o importante mesmo é a prática, não a teoria. Não importa o nome das bactérias, mas o que elas fazem. Você vai aprender a produzir queijos deliciosos na prática, colocando literalmente a mão na massa. Vai descobrir que na fabricação artesanal é preciso cuidar de tudo, desde a vaca no pasto até a ordenha e a entrega do leite na queijaria, passando então aos inúmeros processos para elaborar queijos deliciosos, de diversos tipos. Um livro que vai te deixar com água na boca e com uma imensa vontade de mergulhar no mundo incrível dos queijos artesanais.

Saiba mais

O saber fazer ancestral
2

A Essência do Queijo Artesanal: um olhar geoetnográfico

A lógica da produção de alimentos globais em larga escala afetou diretamente as dinâmicas que envolvem a produção de alimentos artesanais, especificamente o Queijo Artesanal. Dentre as consequências, apresenta-se a exclusão de famílias produtoras do mercado formal, trazendo à tona a discussão acerca dos critérios estabelecidos e as consequências sociais e culturais da exclusão de famílias, detentoras de um saber-fazer, de vender o alimento que produzem há gerações. O presente livro busca vislumbrar as nuances culturais das famílias produtoras, expressas no saber-fazer do Queijo Canastra no distrito de São João Batista da Serra da Canastra, município de São Roque de Minas/MG. Com isso, apresenta o Queijo Canastra enquanto comida, isto é, apontam-se as múltiplas dimensões que envolvem o ato de comer, ou a comensalidade, ao apresentar a biodiversidade dos queijos e inseri-lo na perspectiva dos Sistemas Alimentares, relevando-se os aspectos culturais, especialmente nas relações do queijo com o estado de Minas Gerais. Também, contextualiza-se o recorte espacial da pesquisa no processo histórico regional, e aborda-se um importante componente territorial, a natureza, através da apresentação das paisagens que compõem os territórios e das mudanças causadas com a criação do Parque Nacional da Serra da Canastra. O livro, portanto, pretende trazer a verdadeira essência do Queijo Artesanal produzido na Canastra, que se manifesta nas relações humanas territorializadas.

Saiba mais


Posts relacionados


Posts mais recentes


Mais Pesquisadas


mReviews LogoREVIEWS

Mais lidas


Categorias